Fi-lândia

 

A Deus

Não amor,

Está manhã não poderei.

Sou vitima daquele temor,

E não usarei a dor. ---- Partirei

 

Dói-me na alma.

Mas o que fazer?

Já não há calma,

E já sinto a falta... do prazer.

 

Das noites vividas?

Nunca esquecerei.

Com o vento, as lambidas,

As caricias retidas... anunciarei.

 

Das tardes passadas?

A lembrança feliz.

As lindas braçadas,

Que na água nadavas. ---- Chafariz.

 

Da vida, querido,

A esperança não some.

Posso ter partido,

Mas o amor contido... não morre.

 

O tempo vai,

E com ele vou eu.

A saudade não sai,

Você não se distrai. ---- Sofreu?

 

A morte já vinda.

E agora? Adeus.

Deixo está vida,

Para ser recebida... por Deus.

 

Lembre-se amor,

Que ser tua desejo.

E por favor,

Espere o louvor... de nosso beijo.

Por: Fillipa.



- Postado por quem? Fih Quando? 18h27
[ ] [ envie esta mensagem ]

-------------------------------------------------------------------